Nova Categoria – Espécies de Madeira

10 02 2011

Inicia-se com a publicação deste post uma nova categoria dedicada às várias espécies de madeira disponíveis no mercado. O objectivo desta categoria é dar a conhecer as diferentes espécies de madeira assim como algumas das suas propriedades. Nesta publicação apresentam-se algumas espécies de madeira originárias da América do Norte, posteriormente será publicada informação sobre mais espécies de madeira originárias de várias zonas geográficas do globo.

Carvalho Americano

Origem: América

Família: Fagaceae

Designação Botânica: Quercus rubra L.

Designações Comerciais: Carvalho americano (Port.); American red oak (Ing.)

Durabilidade: Madeira moderadamente durável. Sensibilidade ao ataque de insectos – carunchos pequenos.

Propriedades tecnológicas

• Trabalhabilidade: serragem fácil apesar da dureza. Fácil em quaisquer casos e com quaisquer máquinas.
• Secagem: lenta e difícil; tendência para fendimentos e deformações.
• Acabamento: operações preparatórias fáceis e perfeitas; superficies bem polidas, boa recepção de ceras, tintas e vernizes.
• Colagem: cola satisfatoriamente.

Cerejeira Americana

Origem: América Norte

Designação Botânica: Prunus serotina

Designações Comerciais: American cherry; American black cherry

Durabilidade: Madeira durável. Pouco susceptível ao ataque de fungos e insectos xilófagos.

Propriedades tecnológicas

• Trabalhabilidade: fácil de trabalhar.
• Secagem: seca com relativa rapidez, com uma retracção moderada. Mostra-se estável a nível dimensional após a secagem em estufa.
• Acabamento: permite bons acabamentos.
• Colagem: cola satisfatoriamente.

Hard Maple

Origem: América Norte

Designação Botânica: Acer saccharum, A. nigrum

Designações Comerciais: Hard maple; American hard maple; Sugar maple; Black maple

Durabilidade: Madeira durável. Pouco susceptível ao ataque de fungos e insectos xilófagos.

Propriedades tecnológicas

• Trabalhabilidade: fácil de trabalhar.
• Secagem: lenta, apresentando uma retracção elevada.
• Acabamento: permite bons acabamentos.
• Colagem: cola satisfatoriamente.

Pinho Americano

Origem: América Norte

Família: Pinaceae

Designação Botânica: Pinnus Spp.

Designações Comerciais: Pinho Americano; Yellow Pine; Southern Yellow Pine.

Durabilidade: Madeira moderadamente durável.

Propriedades tecnológicas

• Trabalhabilidade: : fácil de trabalhar, a resina tende a fazer goma nas ferramentas de corte.
• Acabamento: a resina pode dificultar o acabamento.

• Colagem: cola satisfatoriamente.

Soft Maple

Origem: América Norte

Designação Botânica: Acer rubrum; Acer saccharinum

Designações Comerciais: Soft maple; Red maple; Silver maple

Durabilidade: Madeira durável. Pouco susceptível ao ataque de fungos e insectos xilófagos.

Propriedades tecnológicas

• Trabalhabilidade: fácil de trabalhar
• Secagem: lenta, apresentando uma retracção elevada.
• Acabamento: permite bons acabamentos
• Colagem: cola satisfatoriamente.

Fonte: http://www.madeicentro.pt

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: